Joias versáteis em peças multiuso

Quantas vezes você pensa antes de adquirir uma joia?

Costuma comprar por impulso? Ou faz uma análise criteriosa do custo-benefício desta aquisição? Ultimamente, tenho notado que a maioria das pessoas não age emocionalmente e pensa muito antes investir numa joia.

Por essa razão, tenho criado cada vez mais peças que possam ser usadas de múltiplas maneiras. Brincos tira-e-põe; pingentes com fecho adaptável para correntes de diversos materiais e espessuras; e até anéis com pedras intercambiáveis.

Talvez as joias mais populares entre minhas clientes sejam os brincos. Geralmente, a parte de cima é destacada da parte de baixo, proporcionado duas ou mais formas de uso. Além disso, a parte de cima também pode ser usada com um terceiro item, algo que a cliente já possua. Vejam o exemplo deste brinco art déco em ouro branco 18k, diamantes, ônix e coral: ele oferece 4 modos de uso, já que ele possui suas três partes destacáveis.

Com os pingentes ocorre o mesmo. Este colar de ouro amarelo 18k, leopardo de ouro e esmalte anos 1960, opala e diamantes, pode ser vestido de um jeito mais formal -a peça toda – ou informal, retirando a opala e usando apenas o leopardo. O opala emoldurada de diamantes, por sua vez, pode ser usada numa gargantilha de ouro ou numa fita de veludo.

Infelizmente, com anéis esta versatilidade fica um pouco mais complexa. Porém, para este anel de ouro amarelo 18k, diamantes e cornalina, desenvolvi um sistema de parafuso que retira o centro da peça, deixando-a mais clássica, mais importante.  Com a cornalina, torna-se uma joia mais casual. E para quem desejar um maior número de combinações,  podem ser lapidados discos em outras pedras como ônix ou jade.

 

 

Mais posts

Procure em nossa loja