Esmeralda: pedra da prosperidade

Na cerimônia do Oscar de 2009, Angelina Jolie apareceu com um pretinho básico e um par de brincos de esmeraldas nada básico. As pedras, que somavam 115 quilates no total, eram
assinada por Lorraine Schwartz, nome frequente no red carpet. Vale lembrar que Angelina usou, ainda nesta ocasião, um anel de esmeraldas de 65 quilates.
.
 .
Desde estão, esta gema preciosa, que sempre foi considerada entre as mais clássicas e importantes da joalheria, passou a ser também “fashion”. E um sem fim de joias com esmeraldas tomou conta do mercado brasileiro e internacional.
.
.
 As pedras de procedência colombianas são consideradas as mais caras e de melhor qualidade do mundo. Sua tonalidade verde é mais pura e são mais transparentes do que as demais. Chegam a valer pelo menos 20% a mais do que as esmeraldas brasileiras, russas, do Zimbábue ou do Afeganistão.
 .
.
E as esmeraldas brasileiras? Na Bahia e Goiás encontram-se as grandes jazidas, que produzem desde as pedras mais claras até as de um verde bem escuro, quase musgo.
 .
.
Quando uso esmeralda, gosto de associá-la a diamantes (brancos e negros), pérolas, rubis, safiras e turquesas, seja em montagem em ouro branco ou amarelo. Dentre minhas criações preferidas com esta gema, costumo destacar um par de brincos com diamantes, esmeraldas e fragmentos de porcelana japonesa, anos 1940.
.
.
 
O nome “Esmeralda” vem do hindu antigo e significa pedra verde. É a gema de quem nasce no mês de maio e dizem atrair prosperidade e amor celestial (para quem acredita na energia das pedras, logicamente).
.
 

Mais posts

Procure em nossa loja